Cinco dicas para os próximos cinco meses de carreira

Consultor aponta comportamentos e habilidades que farão a diferença em todo o profissional
É comum em boa parte da pessoas a dúvida sobre qual carreira seguir. E aqueles que acertam nesse tema definitivo, apresentam outras questões ao longo do exercício de suas profissões, são perguntas que fazem refletir sobre habilidades, competências e até mesmo de como lidar com os milhares de desafios do dia a dia.

Alexsandro Nascimento, mestre em Administração de Empresas pela FGV-EAESP, especializado em Administração da Tecnologia da Informação e master coach de carreiras, explica que, o primeiro ponto a ser avaliado é se, definitivamente, a escolha foi feita da forma correta. “É preciso amar o que faz. Trabalhar com o que não gosta e muito menos, se esforçar para alcançar metas, não trarápossivelmente os benefícios esperados a longo prazo”, explica.

Mas para quem está satisfeito com a escolha e deseja aprimorar algumas aptidões, ou até mesmo um cargo de liderança, o especialista em gerenciamento de carreiras separou cinco dicas, que farão diferença para quem quer se destacar na área em que atua, bem como, impactar positivamente os resultados para as empresas.

1.Humildade
Quando demonstrada, facilita a comunicação, o que melhora seus relacionamentos, pois aproxima as pessoas e consequentemente, possibilita que suas competências sejam conhecidas realmente como são, ou seja, sua humildade é a sua principal arma para apresentar todas as suas qualidades. Lembre-se normalmente se uma pessoa puder escolher, dificilmente ela se relacionará com alguém que demonstra arrogância.

2. Empatia
A capacidade de se colocar no lugar dos outros. Uma das grandes dificuldades de diversos profissionais é conseguir discordar de outros colegas sem que isto cause mais problemas do que solução. A dica é, se colocar no lugar do outro e tentar entender o porquê ele pensa daquela forma, e, apenas após isto, apresentar o seu ponto de vista relatando que levou em conta o dele. Isto melhora e muito a conversa e o relacionamento.

3. Pergunte
Não tenha medo de perguntar, perguntas inteligentes podem fazer a diferença a seu favor e, passar uma serie de “impressões a seu respeito”, tais como: entende do assunto, se preparou para esta reunião e/ou situação, pensou em algo que ninguém aqui tinha apresentado antes, etc. Contudo, todo cuidado é pouco com perguntas, pois, podem causar um efeito contrário caso feitas sem preparo ou planejamento, tais como: isto já foi explicado antes e/ou você deveria saber sobre isto, etc. Uma boa estratégia é sempre estar preparado, principalmente em reuniões consideradas “perdas de tempo”.

4. Gentileza
Seja gentil, a princípio, não deveria ser uma dica para aumentar suas chances de crescimento na carreira, pois todos deveriam ser e demonstrar gentileza… enfim… Por que é importante? – A gentileza melhora nossos relacionamentos no trabalho, principalmente em momentos de tensão, onde muitos costumam ser mais ríspidos nas relações e, muitas vezes isto, pode demonstrar problemas de gestão emocional. Em momentos de tensão na empresa, o que você quer demonstrar aos outros? Sua capacidade de convivência em momentos “de problemas”, pode fazer a diferença positiva.

5. Capacidade de Mudança
Demonstre capacidade de mudança e adaptação., aprenda a aprender novas coisas, mudar formas de pensar, se adaptar a novas realidades e modos de trabalho, novas pessoas, novas situações. Tenha a sensibilidade de ser e apresentar-se como flexível é, cada vez mais importante as empresas perceberem esta característica em seus funcionários, pois o mercado muda a cada dia numa velocidade maior. Como diz Mario Sergio Cortella: “Na vida é preciso ter raízes e não âncoras, a raiz nos alimenta e a ancora por sua vez nos imobiliza”.

Anúncios