Cada visualização pode gerar mudança: Creators for Change apresenta mais de 50 novos víd eos marcantes

Cada visualização pode gerar mudança: Creators for Change apresenta mais de 50 novos vídeos marcantes

Tendo em vista o Dia Internacional da Tolerância, em 16 de novembro, temos orgulho em celebrar criadores que estão usando o poder de sua visão para abrir mentes, inspirar compreensão, celebrar cultura e fazer a diferença. De uma vlogger de beleza na Califórnia a um rapper no Sudão, passando por um pintor na Alemanha e um grupo de comédia na Índia, o programa Creators for Change do YouTube aproxima contadores de histórias do mundo todo para compartilhar momentos de esperança, humanidade e aceitação. No YouTube, acreditamos que o mundo é um lugar melhor quando ouvimos, compartilhamos e construímos uma comunidade por meio das nossas histórias. O YouTube Creators for Change é parte fundamental da nossa missão, e estamos extremamente orgulhosos do impulso contínuo dos criadores do mundo todo, que estão usando suas vozes para superar polarizações e ódio.

Hoje, os embaixadores do YouTube Creators for Change se reuniram para lançar mais de 50 vídeos novos, com objetivo de promover a tolerância, incentivar a empatia e estimular o diálogo, local e globalmente. Murilo Araújo (Mundo Pequeno) e Natály Neri (Afros e Afins) são os representantes brasileiros do projeto, produzindo conteúdo sobre a identidade racial e masculinidade negra.

Em maio, nós anunciamos que 47 embaixadores do mundo todo se juntaram ao programa Creators for Change, iniciativa global dedicada a ampliar e multiplicar as vozes dos criadores de conteúdo do YouTube, que usam suas plataformas para divulgar mensagens de positividade, esperança e aceitação. Desde o anúncio, eles têm trabalhado com mentores – como o cineasta premiado Eliot Rausch, o fundador do Efeito Nzinga, Eliza Anyangwe; e Anthony Robinson, diretor de treinamento e engajamento de audiências no Truman National Security Project – em narrativas persuasivas e construção de diálogo para criar filmes inspiradores.Alguns destaques deste ano são:

  • A cantora e compositora norte-americana MILCK compôs a música “A Little Peace”, em resposta à violência global. Como parte do seu projeto, ela criou um videoclipe onde vários cantores se reuniram, em harmonia, em nome da paz.

  • O YouTuber e rapper australiano L-FRESH the LION criou um projeto que segue seu trabalho com Manbir Singh (Akaal Fauj – professor de kirtan), que busca preservar a cultura sikh através do hip-hop e da música tradicional.

  • A criadora de conteúdo do Reino Unido, Em Ford, conhecida por seus vídeos sobre positividade sobre a cor da pele, criou o vídeo “Redefine Pretty”, uma resposta a seu vídeo viral de 2015 – “You Look disgusting”. O vídeo novo é um curta que detalha como os padrões de beleza afetam psicologicamente as mulheres jovens.

  • O vídeo “No Offence”, da maior YouTuber de comédia da Índia MostlySane, é um rap engraçado, ao mesmo tempo que oportuno em resposta a “Shameless”, focado em lidar com vários tipos de discurso de ódio – tanto online quanto na vida real.

  • Dentista durante o dia e criadora de conteúdo do YouTube à noite, Maha AJ criou o videoclipe “Salimmik” , como uma forma de homenagear seu país natal, o Sudão. Esta carta de amor ao Sudão busca mostrar um lado do país que não é tipicamente retratado na mídia.

Impulsionando o impacto localmente

Além do programa global, os criadores ao redor do mundo estão usando suas vozes para defender a positividade, através dos nossos esforços locais em nove países. Por meio de uma combinação de vídeos de YouTubers que abrem mentes e workshops educacionais que inspiram pensamento crítico, as iniciativas locais abrangem 9 mercados e continuam a inspirar as comunidades locais. Por exemplo:

  • Na Ásia, o Creators for Change uniu forças com o Programa de Desenvolvimento da ONU (UNDP, da sigla em inglês) e a agência de mudança social Love Frankie para apoiar criadores emergentes no YouTube, comprometidos em abordar questões sociais difíceis em seus vídeos, por meio do programa regional de bolsas Creators for Change. Após uma série de bootcamps na Austrália, Indonésia, Malásia, Filipinas e Tailândia, um comitê selecionou 15 bolsistas destes cinco países, coletivamente representando um público de mais de 2 milhões de fãs. Capacitados com financiamento para produção e oportunidades para trabalhar com organizações da sociedade civil, estas vozes promissoras criaram mais de 15 vídeos inspiradores.

  • O Be Internet Citizens, a iniciativa local do Creators for Change no Reino Unido, tem a meta de atingir 20 mil estudantes até o fim do ano, com conteúdo sobre uso responsável de internet e o empoderando de jovens a atuarem como vozes positivas on-line.

  • Israel recebeu quase 100 dos principais criadores no Tolerance Summit, conectado à iniciativa local #Ovdim_Al_Ze. O desafio Tolerance Challenge 2018 foi anunciado: um convite para criadores locais compartilharem vídeos significativos e sinceros para serem lançados no Dia Internacional da Tolerância, em 16 de novembro de 2018.

  • A criadora de conteúdo alemã do Creators for Change, #NichtEgal, deu início em outubro a uma série de workshops em todo o país, voltada para escolas. Focando em 61 escolas em todos os 16 estados alemães, este programa tem como objetivo treinar 200 professores e mentorar 1.500 mil alunos, que irão passar seu conhecimento para mais de 10 mil estudantes dentro do programa até o início de dezembro. Estes workshops têm o apoio dos nossos criadores locais no YouTube, que compartilham suas experiências e aconselham alunos sobre como causar um impacto positivo em suas comunidades.

  • Até agora, apenas este ano, 35 mil jovens se beneficiaram de workshops para combater as fake news e o discurso de ódio na França, como parte do programa Toi-même Tu filmes, trabalhando juntamente com parceiros como Les Petits Débrouillards e Génération Numérique, para ministrar treinamento em toda a França. Além disso, o YouTube Creators for Change fez uma parceria com o Gabinete de Direitos Humanos da ONU, para patrocinar o Mobile Film Festival de 2018, incentivando jovens de todo o mundo a criar curtas-metragens que celebram o 70º aniversário da Declaração de Direitos Humanos

Para todos os criadores que participaram do programa este ano: obrigado. Somos muito gratos por sua paixão e dedicação.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: